enes
Facebook Instagram Linkedin Youtube
ocultar

A influência dos minerais nas atividades físicas

Postado por: | 12/04/16 - às 11:11

A produção de energia na atividade física é fundamental, lógico que não se questiona essa informação. Vamos analisar um produto muito comum e que os […]

A produção de energia na atividade física é fundamental, lógico que não se questiona essa informação. Vamos analisar um produto muito comum e que os pesquisadores cada vez mais estudam e ligam sua deficiência a doenças. O magnésio.

Imagine-se com deficiência de magnésio, e olha que essa deficiência pode ser aguda e transitória.

Pense, você não ingere magnésio ou ingere em pequena quantidade no dia e vai fazer sua atividade física. Começa que o magnésio diminuído deixa seus vasos sanguíneos num estado menos relaxado, diminuindo a perfusão, a diminuição da perfusão diminui a chegada de nutrientes e também de oxigênio, e isso compromete seu rendimento. Vamos até as células, na falta de magnésio, a hexoquinase não atuará perfeitamente, então, você terá dificuldade em fosforilar a glicose para iniciar o metabolismo energético derivado da glicose. Seguindo adiante, toda formação de ATP e transferência do fosfato de alta energia para a creatina para seu transporte precisam de magnésio.

Não entendeu muito bem?!

Em resumo, podemos dizer que, sem magnésio, sua geração e uso de energia estarão comprometidos. Avalie com um nutricionista a necessidade de produtos que, às vezes, não valorizamos, como minerais, vitaminas e oligoelementos ou microminerais, mas que são fundamentais em suas reações químicas.

Fonte: http://www.nutricaoesportivabrasil.com.br

|